Inveja mata

Vamos falar sobre uma das facetas do mal que mais estraga relações interpessoais: a INVEJA.

Seja em casa ou no trabalho, no trânsito ou no campo de futebol, seja no salão de beleza, seja no escritório – a Inveja quando chega tudo estraga. É uma praga que onde chega corrói tudo, destrói tudo que encontra pela frente: sonhos, projetos, desejos, lutas e vidas. “Tenho muito medo de pessoas invejosas” – confessam alguns. Sabem o quanto este mal é um poderoso corrosivo capaz de ferir e machucar profundamente principalmente aqueles que estão na luta em busca de seus sonhos.

Quando você encontra com alguém carregado de inveja qualquer que seja o seu sucesso precisa ser recolhido e silenciado, pois a reação dos invejosos é sempre maldosa. Ainda que mostre um sorriso aparentemente feliz, a verdade é que quase sempre há uma pitadinha de maldade. De onde vem a inveja? Não é esse o propósito responder com tanto afinco a esta pergunta, aprofundemos mais nesse tema…

Claro que há uma raiz para a inveja. Eu não sei, ao certo, mas creio que o complexo de inferioridade também esteja na raiz deste mal. Sim. Uma pessoa com esse tipo de complexo não se sente amada e nem completa, não acredita em si mesmo, no seu potencial e também não consegue aceitar que o outro possa estar bem. Ela não admite ver o outro se dar bem simplesmente por que ela mesma não está bem. Daí que, qualquer experiência positiva que esta enxerga no outro, lhe causa descontentamento e tristeza. Esta tristeza e esse descontentamento geram a competitividade negativa que visa não um sucesso saudável de autossuperação e êxito pessoal, mas sim um desejo de superação do sucesso do outro.

A inveja mata. Esta frase, com certeza, você já ouviu ou talvez já disse em algum momento da sua vida. E não está errada esta tese. A inveja mata sonhos, projetos, desejos, amizades, metas, focos, vontades. A inveja destrói alegrias, apaga luzes, cria barreiras, dificulta o caminho de quem luta para ser feliz. Cuidado com a inveja. Corra da inveja. Vacine-se contra este vírus que onde chega causa intriga e sofrimento. Ao invés da inveja, alimente-se  de fé e esperança, seja perseverante e jamais se deixe abater diante de qualquer dificuldade. Acredite no seu potencial e saiba que Deus te faz forte pra vencer. Persevere, persista e jamais desista. Lute contra a inveja, pois ela não faz bem a ninguém – nem aos invejosos. E, para encerrar, deixo esse versículo bíblico para ilustrar o que falamos até aqui: “Não sejamos ambiciosos de glória, provocando-nos mutuamente e tendo inveja uns dos outros”
Gl 5,26

Sobre Pe. Ivanilton,msj

Sou mineiro, natural de Águas Formosas, pequena cidade situada na região nordeste do estado. Desde muito cedo, gosto de trabalhar com minhas próprias mãos. Amo a cultura mineira, gosto do meu povo, das cantigas de roda e das famosas comidas típicas que só se encontram em Minas. Somente aos 18 anos de idade é que saí de casa, entrei para o Seminário do Instituto Missionário São José. Em Aparecida do Taboado, MS, recebi a formação propedêutica. Terminado este período, mudei-me para Taubaté, SP, onde cursei três anos de Filosofia, na UNITAU (Universidade de Taubaté) e, logo após, iniciei o curso de Teologia, pela faculdade Dehoniana. Passados quatro anos de estudos teológicos, fui ordenado Diácono, pelo Instituto Missionário São José, do qual sou membro. Em julho de 2009 fui ordenado Padre e, hoje, exerço o meu ministério na Paróquia Santa Rita de Cássia em Pontalina/GO. Creio que a vida é o dom mais precioso que Deus, gratuitamente nos presenteou. Por isso, carrego em meu coração, o desejo de viver seguindo os pés do Mestre dos mestres, Jesus de Nazaré. O lema que me inspira e ilumina a minha missão é: "Eu vim para que todos tenham vida, e a tenham plenamente" (cf.: Jo 10,10b).

Um comentário sobre “Inveja mata

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *