Entre o nascente e o poente

A estrada da vida é um pouco assim. Fazemos o caminho através de cada passo. Cada dia vamos descobrindo mais sobre nós mesmos, e sobre a grandiosidade da vida. Nos encantamos com a beleza do existir, a vida aos poucos vai se tornando mais espetacular. Principalmente quando vamos compreendendo as expressões do amor. Encontramos num olhar a nossa própria identidade, humana, bela, divina…

Criamos laços, ficamos amigos, queremos a presença,

E entre oImagem: Pe Ivanilton nascente e o poente, a vida nasce, finda-se o dia, e com ele a noite chega. A notícia roda nos jornais, corre o boato. Percorrendo de um lado a outro, são quilômetros de certezas e dúvidas. São pessoas que vão, que vem, que choram, que clamam respostas… É fato.

Palavras escapam sem limite até que esbarram no silêncio. Gestos vãos, canções tristes… Recordações registradas em melodias, em versos, histórias lindas. E tristes.

Enquanto isso, vamos aprendendo o quanto a vida é frágil, é delicada como a rosa, às vezes é dor terrível. É poesia crepuscular, como o pôr do sol… É mistério que envolve chegadas e partidas. Risos. Lágrimas.

A dor de um pai, o silêncio da mãe, a lágrima do irmão, têm direito de chorar lágrimas e palavras dignas de respeito. São humanos, como os amigos, choram como os conhecidos, mesmo distantes nos aproximamos naquilo que temos em comum, a lágrima e a dor, marcas humanas.

“Por quê, por quê? – perguntas não se calam, grito mudo na garganta… sem resposta. mas Quando tem que acontecer… Ufa! a gente não entende muito, nada ou quase nada… Especulações de todos os lados, explicações tristes, e o silêncio dói, corrói… inquieta a alma. Mas lá no fundo, aquela esperança continua viva, discreta e sem máscara, em silêncio diz: Tudo vai passar! Eu creio!

Por isso a gente vai vivendo, tocando a vida, pedindo sabedoria ao Criador pra tentar entender, viver e sentir cada momento, cada presença… Pois a vida é dom d’Ele a você e a mim… só Ele pode nos revelar os segredos e mistérios do tempo.

Enquanto isso, vamos vivendo, tocando a vida pra frente…

#Não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje… Viva bem o presente, deixe saudades!

Pe. Ivanilton